Recentemente no Doode surgiram interessados em aprender alguma linguagem de programação. Isso me lembrou de um projeto de muito tempo atrás, quando eu havia começado um pequeno tutorial de programação em C. Isso me reanimou a tentar recomeçar com alguma coisa. Apenas para deixar claro, meu C está um pouco enferrujado, pois atualmente utilizo mais JavaScript e PHP. Mas acho que ainda vou me lembrar de alguma coisa ;-).

Eu não vou explicar nada sobre a história do C ou das linguagens da programação. Se você se interessar, o Google está aí pra isso!

Para começar, você precisa de um compilador. Recomendo o gcc. O gcc vem instalado por padrão em várias distribuições Linux atualmente. Caso não esteja instalado, é preciso instalar manualmente com o comando (para Fedora):

Terminal
$ sudo yum install gcc

No Windows, você tem as opções de instalar o MinGW ou o Cygwin. O MinGW (Minimalist GNU for Windows) contém o básico para compilar programas em C/C++, enquanto que o Cygwin proporciona um ambiente Unix-like (quase) completo, com as principais ferramentas disponíveis no shell compiladas para rodar em Windows. Se você usa Windows, provavelmente vai querer um ambiente mais agradável de programar (nada contra), e nesse caso recomendo o Code::Blocks que já inclui o MinGW. Mas não espere que eu diga como utilizar o Code::Blocks! Vou utilizar comandos no shell do GNU/Linux para compilar e executar os programas.

Preparativos prontos, hora de programar! :D

Crie uma pasta exclusiva para salvar os arquivos de código-fonte e os binários. Vamos criar nosso primeiro programa, o famoso “Olá mundo!”. Vamos começar com o código em C:

#include <stdio.h>
#include <stdlib.h>

int main(void){          // função principal do programa
    printf("Olá mundo"); // printf: exibe uma mensagem na tela
    return 0;            // finaliza o programa sem erros
}

Código pronto, é hora de compilar e testar:

Terminal
$ gcc olamundo.c -o olamundo
$ ./olamundo

Com as tags → 

2 Responses to Programando em C/C++ – parte 1

  1. warlock disse:

    Er, já deu pra eu notar que essa linguagem é muito detalhista. Acho até bom, talvez assim, ajude o programador a ter uma atenção e concentração aguçada. :)

    Mais uma vez, valeu pelo tutorial!

    • Eduardo disse:

      warlock

      Pode ter certeza, a linguagem C tem que ser tudo dentro dos padrões, por exemplo se vc esquecer de adicionar uma linha em branco no final do código não compila! Mas isso a maioria das IDEs fazem automaticamente, pra garantir.

      Tem que estudar e se dedicar pra realmente aprender essa linguagem, mas é um excelente ponto de partida pra quem quer aprender a programar.

      Obrigado,
      Eduardo :D

Plataforma Wordpress Latest (GPLv2)
Tema PageLines Lite Improved (GPLv3)
Hospedado por OpenShift by RedHat
Domínio registrado pela Neep Host
Creative Commons Attribution-ShareAlike License
Copyleft © 2016 Eduardo Weiland
Utilize um leitor de QR Code para acessar o blog no seu celular:
21
%d blogueiros gostam disto: